Endoscopia Digestiva Alta

Exame que permite a visualização de órgãos como esôfago, estômago e duodeno.

A Endoscopia Digestiva Alta (EDA), é um procedimento que permite a visualização de órgãos como o esôfago, estômago e duodeno através de um aparelho chamado endoscópio.

A finalidade da endoscopia é verificar a procedência de sintomas como dores abdominais, náuseas, vômitos, dificuldades de deglutição e sangramentos digestivos, identificando assim lesões e patologias. Além disso, alguns procedimentos terapêuticos podem ser feitos através da Endoscopia.

Orientações
- Na hora do exame, você deve estar com o estômago vazio, em jejum de 10 horas. Por isso não tome café da manhã ou água no dia da endoscopia, e, na noite anterior, faça apenas um jantar leve.
- Sinta-se o mais à vontade possível. Fique tranquilo, pois a endoscopia é indolor. Além disso, retire as peças de roupa que eventualmente possam incomodá-lo, como gravata e paletó. Caso esteja usando óculos ou dentadura, retire-os também. Não é adequado o uso de objetos como brincos, relógio, pulseira e piercing. Retire-os e deixe em casa antes de ir para a clinica.  Qualquer dúvida sobre o exame, pergunte ao médico especialista.
- Recomenda-se não dirigir durante todo o dia após o exame, pois o medicamento que você recebeu para relaxá-lo e tranquilizá-lo poderá causar sonolência e/ou diminuir seus reflexos. Venha com um acompanhante para o exame.
- Não é indicado o transporte do paciente após o procedimento e liberação da clínica em veículos do tipo motocicletas ou bicicletas, sob o risco de acidentes graves.

A endoscopia pode ser realizada do ponto de vista do nível de consciência de 3 maneiras:
- Acordado: Método sem a utilização de sedativos.
Necessita da colaboração do paciente , que se mantém acordado durante todo o procedimento que é indolor. Pouco utilizado no Brasil.
- Sedação moderada/analgesia ou sedação consciente: Método em que se utiliza uma medicação endovenosa que irá tranquilizá-lo e fazê-lo relaxar.
É o método mais utilizado no Brasil para a realização de procedimentos endoscópicos.
- Sedação profunda/analgesia: Método em que se utiliza medicações endovenosas administradas por um médico anestesiologista, cujo resultado é a depressão profunda do nível de consciência induzidas por estes medicamentos.
Este método é utilizados em situações especiais tais como procedimentos em crianças, idosos, pacientes que fazem uso de medicação controlada (psicotrópicos) tais como calmantes, remédios para insônia, depressão, esquizofrenia. Também poderá ser utilizado para os pacientes com histórico de que  não se sentiram confortáveis com a realização no passado de procedimento sob sedação moderada ou sedação consciente.

Sobre o Procedimento
- Você receberá um spray anestésico na garganta, para facilitar a inserção do endoscópio.
- Em seguida, você recebe um medicamento para dissolver a formação de saliva  do estômago e facilitar a observação das paredes do órgão.
- Durante o exame, deixe o endoscópio passar lentamente pela garganta, de acordo com a orientação do médico especialista. Em seguida, respire fundo e o endoscópio deslizará para dentro naturalmente. O exame dura poucos minutos, por isso, simplesmente mantenha-se relaxado.
- Você ficará com a garganta anestesiada por cerca de 30 minutos. Espere 1 hora ou mais antes de tomar líquidos, comer ou fazer gargarejos.