Megaesôfago Chagásico

Dilatação no esôfago causada pela Doença de Chagas

Sobre a doença

O Megaesôfago Chagásico é uma condição que consiste na dilatação do esôfago, órgão responsável por conduzir o alimento até o estômago em pacientes portadores da Doença de Chagas.

O problema ocorre após uma destruição parcial dos plexos nervosos da musculatura do esôfago, causando uma alteração e enfraquecimento de sua contratilidade, seguida de espasmo da cárdia, transição do esôfago ao estômago.

Causas

O megaesôfago chagásico acontece devido a contaminação do indivíduo com o Trypanosoma cruzi, causador da Doença de Chagas.
Causas

Sintomas

- Desconforto durante as refeições; - Disfagia (dificuldade de engolir alimentos); - Emagrecimento.
Sintomas

Tratamento

Com a doença diagnosticada, o primeiro passo é aliviar a dificuldade de comer. Como o esôfago atingido pelo problema não voltará ao normal, poderá ser feito um procedimento por endoscopia (com dilatações ou com injeção de toxina botulínica) ou por cirurgia. Este tratamento é menos agressivo, mas representa risco, já que pode haver perfuração ou sangramento. Pode haver ainda refluxo gastroesofágico associado, de difícil controle, já que se destrói o esfíncter (músculo que controla a entrada/saída do esôfago). Por todos esses problemas, a cirurgia costuma ser o tratamento mais indicado.
Tratamento